MBTI: Você precisa saber sobre ele para se destacar no mercado.

Autodesenvolvimento

“Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas. Se você se conhece mas não conhece o inimigo, para cada vitória ganha sofrerá também uma derrota. Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas” (Sun Tzu)

É com essa frase do livro a Arte da Guerra que vou iniciar o nosso post de hoje. Quando vamos em buscar do nosso lugar ao sol podemos dizer que estamos indo para um campo de guerra e se queremos ganhar o próprio Sun Tzu já nos deu a dica: temos que conhecer o nosso adversário mas sobretudo conhecer a nós mesmos.

Existem inúmeras ferramentas de autoconhecimento no mercado, porém quero apresentar para vocês a que considero mais completa. O MBTI vem tomando cada vez mais espaço nas grandes empresas pois traçar um perfil comportamental do indivíduo através da sua percepção de mundo.

As empresas estão cada vez mais utilizando essa ferramenta para avaliar o perfil comportamental de seus colaboradores e assim identificar o que motiva cada um.

Realizar o teste de  MBTI te ajudará a entender sobre tomada de decisão e preferencias para algumas atividades e assim se preparar de maneira adequada na hora de apresentar as suas qualidade. Com certeza será um diferencial no momento de qualquer entrevista.

O MBTI divide a personalidade em cincos aspectos: Mente, Energia, Natureza, Táticas e Identidade e faz uma integração entre elas até formar uma só.  Desses aspectos surgem os 16 tipos de personalidade.

Como surgiu o MBTI: na década de 20, a teoria de Jung chamou a atenção de Katherine Cook Briggs, que mais tarde participou da cocriação de um dos indicadores de personalidade mais populares atualmente, o El Indicador de tipo de Myers-Briggs® (MBTI®). Briggs foi uma professora com um interesse ávido nos tipos de personalidade, tendo desenvolvido sua própria teoria de tipos, antes de conhecer os estudos de Jung. Junto de sua filha, Isabel Briggs Myers, desenvolveu uma forma conveniente de descrever a ordem de preferências Junganianas de cada pessoa – é assim que nasceram as abreviações de quatro letras. Foram criados quatro tipos de combinações de características de personalidade:

  • Introversão (I) ou Extroversão (E)
  • Intuição (N) ou Sensação (S)
  • Pensante (T) ou Sentimento (F)
  • Julgador (J) ou Percepção (P)

É importante ter em mente que, independente de qual modelo nós utilizamos, a nossa personalidade é só um aspecto entre muitos – as nossas ações também são influenciadas pelo ambiente em que vivemos, nossas experiências, e objetivos individuais. Em nossas Descrições de Tipos descrevemos como as pessoas que pertencem a um tipo específico de personalidade provavelmente irão se comportar – porém, lembre-se de que são apenas indicadores e tendências, e não orientações definitivas ou respostas.

Agora vamos ver os aspectos de personalidade individualmente:

MENTE

Esse aspecto mostra como interagimos com outras pessoas:

  • Indivíduos introvertidos (I) preferem atividades solitárias, pensam antes de falar, ficam exaustos com interação social.
  • Indivíduos extrovertidos (E) preferem atividades em grupos, pensam enquanto falam, ganham energia com interação social.

ENERGIA

O segundo aspecto determina como vemos o mundo e processamos informações:

  • Indivíduos intuitivos (N) são criativos, confiam na sua intuição, são cheios de ideias, focam no que poderá acontecer.
  • Indivíduos observadores (S) são pé-no-chão, confiam nos seus sentidos e em assuntos práticos, focam no que já aconteceu.

NATUREZA

Esse aspecto determina como tomamos decisões e lidamos com emoções:

  • Indivíduos pensantes (T) são fortes, seguem sua mente, focam na objetividade e racionalidade.
  • Indivíduos sentimentais (F) são sensíveis, seguem seus corações, focam na harmonia e cooperação.

TÁTICAS

Esse aspecto reflete sobre a nossa abordagem ao trabalho, planejamento e tomada de decisões:

  • Indivíduos julgadores (J) são decisivos, preferem regras claras e orientações, veem prazos como sagrados, buscam fechamento.
  • Indivíduos exploradores (P) são muito bons na improvisação, preferem manter suas opções abertas, são relaxados com seu trabalho, buscam liberdade.

IDENTIDADE

Finalmente, o aspecto da Identidade sustenta todos os outros, mostrando o quão somos confiantes em nossas habilidades e decisões:

  • Indivíduos assertivos (-A) são emocionalmente estáveis, calmos, relaxados, se negam a se preocupar muito.
  • Indivíduos cautelosos (-T) são inibidos, se preocupam com a sua imagem, buscam o sucesso, são perfeccionistas.

Ficou interessado em saber qual é o seu perfil?

Existem vários sites que realizam o teste gratuitamente o que recomendo por ser o mais confiável é o https://www.16personalities.com/br é autoridade no Brasil sobre o assunto.

e a propósito eu sou: INFP-T “O Mediador”

Vamos lá faça o teste e saiba qual a sua visão de mundo e esteja preparado para ganhar a guerra!

Gostou compartilhe com seus amigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *